Inquérito que afastou servidores concursados poderá ser anulado pela justiça

SANTA CRUZ CABRÁLIA - Em audiência realizada nesta terça, 9, no Fórum de Santa Cruz Cabrália, o promotor de justiça Maurício Magnavita recebeu os servidores aprovados no concurso de 2007 e demitidos sumariamente pelo prefeito Jorge Pontes (PT). O promotor explicou aos funcionários o andamento do processo que deverá pedir a reintegração de todos os servidores concursados e afastados de suas funções pelo prefeito petista.

O promotor Magnavita declarou ao “Bahia Dia Dia” que o inquérito administrativo que concluiu pela anulação da posse dos concursados teria vários pontos considerados irregulares e que estariam sendo analisados pela promotoria. “Se comprovarmos que o município contratou assessorias jurídica e contábil para elaborar o inquérito, sendo que a prefeitura dispõe de profissionais capacitados nesta área, pedirei a anulação do inquérito e o afastamento dos servidores ficará sem validade”, esclareceu.

O representante do MP também disse que vai analisar as denúncias da prática de nepotismo que estariam ocorrendo na prefeitura de Santa Cruz Cabrália (o prefeito petista teria vários parentes exercendo funções públicas). “Qualquer pessoa que tenha alguma informação sobre a prática de nepotismo na administração pública municipal pode procurar a promotoria e denunciar o caso que será investigado”, ressaltou Magnavita..

Fonte: BAHIA DIA DIA

0 Opiniões:

Postar um comentário

A MATÉRIA EM AUDIO