ANGICAL RECEBE I OFICINA DE SEGURANÇA ALIMENTAR

Farofa de cenoura, refogado de mostarda, salada crua, charuto de couve com carne de soja, salada de casca de abóbora, bolo de abóbora, entre outras. Receitas gostosas e Saudáveis, Alimentos Preparadas com Produzidos Urbanas em hortas agroecológicas. O Projeto Cidades Sustentáveis Iniciou, no distrito de Angical, Uma série de oficinas Sobre Segurança alimentar e nutricional, com o Objetivo de Qualificar o USO dos Alimentos Produzidos Pelas Famílias.

Como oficinas contemplarão Todas as 300 Famílias beneficiadas Pelo Projeto. No dia primeiro, como EXPERIÊNCIAS trocaram Famílias e receberam, Ao final do dia, 60 Kits de Galinhas e camisas do Projeto. O Evento continua hoje, com a Ampla Uma discussão Sobre o Conceito de Segurança alimentar e nutricional, destacando a higiene dos Alimentos nenhum preparo e Alimentação Saudável.

"Essa Nossa Primeira UM TEM oficina Significado Muito Importante Para os Beneficiários, enguias Estão os POIs aprendendo Diversas Formas de se consumir em Alimentos Produzidos OS SEUS econômicos canteiros de alimentação, tendão Como Resultado, Uma Vida Mais Saudável", explica Paula Silva, coordenadora do Cidades Sustentáveis.

O coordenador do CAA, Mário Augusto Jacó, Participou do Primeiro dia da oficina e ressaltou um Importância do Pará, como o Projeto Famílias. "O Cidades Sustentáveis UM e Projeto Inovador Que está mudando a Vida de muitas Famílias, Promovendo Alimentação na Qualidade e participação cidadã. Nosso Propósito É Exatamente esse, hum Construir novo Projeto de Desenvolvimento n o Semi-Árido e Todos vocês são nossos Parceiros nessa Luta ", Disse.

Fonte: ASCOM CAA

0 Opiniões:

Postar um comentário

A MATÉRIA EM AUDIO