Família de ciganos de Itabela é acusada de raptar criança de um ano e quatro meses em Itamaraju

Compareceu à Delegacia da Policia Civil de Itamaraju, Marinês Baião de Jesus, 37 anos, alegando que membros da família do cigano Sandro Gama Santos estiveram na residência de sua mãe, a senhora Glória Ferreira Alves, 65 anos, moradora da Avenida Vitória, 356, bairro Várzea Alegre, região sul de Itamaraju, por volta das 17h do último domingo (18) quando adentraram em sua casa e raptaram uma criança de um ano e quatro meses. Marinês contou que diante das várias ameaças a criança foi entregue aos quatro ciganos e que na sequência os mesmos entraram num veículo Fiat Pálio, cor cinza, licenciado de Itabela-Ba., e evadiram do local.

Entenda o caso

Segundo relatos oficializados à Polícia Civil de Itamaraju, Sandro Gama Santos estaria vivendo maritalmente com uma menor de 14 anos de idade, filha de Marinês Baião de Jesus, que ultimamente está residindo em Vitória-ES. Marinês relatou ainda que a sua filha fez um telefonema para ela em Vitória alegando que estava sofrendo maus tratos por parte do esposo, o cigano Sandro. “Diante dessas informações eu fiz um grande esforço e vir para a Bahia”, contou.

No domingo (18) Marinês providenciou o aluguel de um táxi e preparou a sua filha para fugir com o seu neto. A menor em posse de seu filho marcou um local e fugiu com sua mãe para Itamaraju, chegando na cidade ficaram na residência da avó no bairro Várzea Alegre.

Sandro sentiu a falta do filho e veio até a cidade de Itamaraju com alguns membros de sua família, onde acabaram raptando a criança. “Ele conseguiu tirar a criança das mãos da mãe e evadiu-se da residência. Também foram feitas ameaças de morte”, disse Marinês.

O delegado Gean Nascimento, titular da Polícia Civil de Itamaraju, já determinou investigações em torno do caso. O Conselho Tutelar também já tem conhecimento do ocorrido e já trabalha para amparar a criança de um ano e quatro meses, e a sua mãe de apenas 14 anos de idade.

Fonte: www.teixeiranews.com.br - Por Lênio Cidreira

1 comentários:

  1. muito triste isso uma criança ser tirada das mãos da mão a força tomara q ela consigar pegar o seu filho de voltar.....

    ResponderExcluir

Blogroll