Major Lanzillote em entrevista as rádios: “ Quero dizer aos marginais que o feijão está no fogo”

O Major David Oliveira Lanzillote concedeu entrevista às rádios de Muritiba, e falou sobre seu plano de trabalho a frente da 27ªCIPM( Companhia Independente de Polícia Militar). Segundo o comandante o trabalho já começou no combate ao tráfico de drogas da região, e que ações serão realizadas para combater o crime em todos seus aspectos.

Major Lanzillote alertou para a possibilidade de elementos da capital estarem migrando para o recôncavo da Bahia, “ Existe uma grande possibilidade de marginais de Salvador, serem autores desses atos criminosos na região. Ainda não temos exatidão da informação, mas acreditamos que diversos meliantes estão se deslocando para o recôncavo, onde muitos deles tem parentes. Uma grande parcela da população da capital tem algum familiar na nossa região, isso é notório”. Afirma Major Lanzillote.

O comandante revelou uma nova prática do tráfico de drogas. Segundo suas informações, traficantes não estocam mais as drogas como antigamente, onde a venda era local. Atualmente eles fabricam ou compram em pouca quantidade e repassa para os usuários “Hoje em dia ficou mais difícil de prender um elemento por tráfico, pois ele espalha a droga para os usuários, cada um recebe 05 pedras, presta conta de quatro e uma é sua (elemento). Ressalta o comandante”

Major Lanzzillote em entrevista a rádio local.
Major Lanzillote salientou que as drogas tomaram conta da região de uma forma avassaladora, e que agora não compete só a polícia, tornou-se um caso de saúde pública. O Militar informou que o trabalho irá ser árduo, todavia uma “limpa” será realizado de Santo Antônio de Jesus a Maragojipe. A companhia é responsável pela segurança pública de doze cidades.

Finalizando sua participação nas rádios, o Comandante informou que haverá mudanças no comando de pelotões, nas mais diversas cidades da região. Destacou que esteve em reunião com o coordenador da Polícia Civil no interior, para realização de um trabalho em conjunto. No ensejo, apresentou para o público ouvinte, a mudança do comando do Pelotão Especial de Polícia Militar, agora sob as ordens do Tenente Valdomiro Suzart. E mandou um recado para os marginais “Quero aproveitar pra encerrar minhas palavras, mandando um recado para os elementos: O feijão está no fogo, o trabalho começou” Lanzillote.

Em quinze dias como comandante, duas quadrilhas foram presas, comparsa do maior traficante da região preso, blitz nas cidades, mais viaturas na região e uma ação mais planejada, começa a devolver a paz ao recôncavo.

Fábio Santos/ A VOZ JOVEM

0 comentários:

Postar um comentário

Blogroll