Agricultores de Morro do Chapéu e Região, Realizam Assembléia para Apurar Possíveis Irregularidades na COOPAF

Na manhã de segunda-feira 23 de maio de 2011, mais de cem cooperados da COOPAF sediada em Morro do Chapéu - BA, realizaram assembléia para discutirem sobre possíveis irregularidades dentro da entidade. Segundo alguns cooperados a mobilização aconteceu porque eles não concordam com as mudanças de datas que vem sendo feita para a realização da assembléia proposto pela diretoria, afirmaram ainda, que desde que a Coopaf foi fundada a cinco anos, nunca tiveram qualquer informação da movimentação financeira e que apesar de em 2009, o presidente da cooperativa ter declarado que haveria sobrado três milhões de reais , esse dinheiro nunca foi dividido com os cooperados como determina o estatuto.

A direção da cooperativa vem sendo alvo de criticas e acusações, de estarem envolvidos em irregularidades, como possível desvio de dinheiro, conforme alguns membros que são agricultores e que estranham o fato da prestação de contas que seriam obrigatoriamente feita no mês de abril, não ter sido feita até o momento . A decisão de tomar as rédeas da situação e exigir explicações por parte da diretoria, foi um dos pontos mais debatidos pelos agricultores.

Alguns técnicos agrícola que prestam serviços a Coopaf afirmaram que estão a cinco meses sem receber seus salários e consideraram uma falta de respeito a ausência dos membros da mesa diretora para dá explicações sobre o atraso. A Coopaf movimenta anualmente milhões de reais através de convênios com a Petrobrás Biodiesel.

É uma grande cooperativa que está presente em muitos municípios da Bahia. Após muitas discussões foi formada uma comissão de cinco agricultores que se juntaram aos três membros do conselho fiscal para analisarem a prestação de conta enviada pela diretoria, será também contratado um contador para ajudar nos trabalhos de auditoria. Outra assembléia deverá acontecer no dia 07 de junho 2011 onde todas as divergências serão debatidas e passadas a limpo.
Texto e foto: Ribeiro Sousa

0 Opiniões:

Postar um comentário

A MATÉRIA EM AUDIO