Vídeo de populares prendendo homem furtando em feira livre de Coité

Um fato pouco comum aconteceu no final da manhã de sexta-feira 6 de maio de 2011 em Conceição do Coité, quando dois homens tomaram conhecimento de que um individuo havia furtado o celular de uma mulher na feira livre da cidade. Os dois homens seguraram o ladrão e levaram até próximo a uma viatura e entregaram aos policiais militares que conduziu o acusado até a Delegacia da cidade. Mas o ladrão iria enfrentar outro problema, como foi algo que chamou atenção da população, o assunto correu na cidade até que o mesmo fosse identificado como aquele, que minutos antes havia furtado um celular de uma mulher em um estabelecimento comercial antes de ser preso, e a situação complicou ainda mais, quando no final da tarde um funcionário da referida loja que vende produtos populares entregou ao delegado Gustavo Ameno Coutinho, as imagens captadas pelo sistema de câmera da loja que registrou quatro ânglos diferentes, um deles é possível verificar o celular de cor rosa em sua mão, encoberto com um pedaço de papelão.

Apesar de ser chamado para assistir a gravação o acusado que é morador do Bairro Ponte Nova em Queimadas, e identificado por Agnaldo Silva dos Anjos, 34 anos, negou que naquele momento tivesse um celular em sua mão. O primeiro aparelho que ele furtou foi devolvido à dona, mas o segundo, até o final do dia do furto ele não havia dito onde ou com quem estava.

Eram 11h20 quando o acusado acompanhado com outro homem e duas mulheres, uma delas com uma criança no colo entraram numa loja que estava bastante movimentada, não é possível ouvir a conversa, mas gestos demonstram que o quarteto planejou entrar no recinto a fim de realizar furtos.

Na delegacia ao ser interrogado pelo delegado, o acusado disse que não havia furtado nada e alegou que o papelão não estava protegendo nenhum celular, porem o mesmo rapaz que levou a gravação disse não ter duvidas, pois ouviu uma mulher dizer a outra que sua bolsa estaria aberta e a mesma ao fechar o objeto sentiu a falta do aparelho.

Braço direito erguido e embora não dê pra identificar claramente, parece um celular cor de rosa que ela teria furtado

Negão como é conhecido no bairro onde mora disse que teve passagem pela delegacia de Monte Santo pelo mesmo motivo e na sua juventude pagou três anos de prisão, dois no presídio de Juazeiro e um em Feira de Santana, por assalto a mão armada.

O delegado lavrou o flagrante e encaminhará o caso a justiça. Após ser ouvido, ainda no inicio da noite de sexta-feira, uma das mulheres que estava com ele no momento do furto na loja, se apresentou e se identificou como Marilene Gomes da Silva, (Lia) 25 anos, também moradora da Ponte Nova.
Do Calila Notícias

 Flagrante de roubo na feira livre de Coité !!


Esse homem foi quase linchado, depois de roubar a bolsa de uma senhora...


1 comentários:

  1. Uma população não pode fazer o papel da poliçia,a poliçia não pode fazer o papel da justiça,e a justiça deve ser autêntica na hora de julgar um deliquente.Esse rapaz de coité foi agredido,surrádo,humilhádo punido por pessoas inabilitádas,e a justiça nem sabe o que realmente aconteceu,vendo o video e analizando poderá haver punição não só para o rapaz acuzado como para os agressores,se é que ele roubou mesmo.São muitas pessoasa acusando-o,será que todos o viu roubar?E os tres homens autores das agrções,agiram certos?

    ResponderExcluir

Blogroll