Atuação de pedreiros na construção de cisternas é destacada em seminário

Em evento microrregional realizado no município de Irecê, profissionais trocam experiências e realizam visitas de campo, com o objetivo de qualificar o trabalho desenvolvido em diversas comunidades rurais do semiárido baiano.
 Cerca de 30 pedreiros estão participando do I Seminário Microrregional de Técnicas de Construção de Cisternas, iniciado na manhã desta quinta-feira (10), no município de Irecê. Realizado pelo Centro de Assessoria do Assuruá (CAA), a atividade, que termina amanhã (11), teve na abertura a presença do coordenador executivo do CAA, Mário Augusto Jacó, além de técnicos e diretores da entidade.

Após citar os problemas enfrentados pelas famílias do semiárido com a escassez de água, Jacó ressaltou o papel dos pedreiros na construção de um sertão com mais qualidade de vida. “Vocês são peça fundamental no processo de formação de um semiárido melhor, são os que ‘botam a mão na massa’ e constroem as cisternas”, disse.

Ainda pela manhã, os pedreiros assistiram a palestra “Mobilização comunitária e participação popular na implementação de políticas públicas”, ministrada pelo coordenador do Programa Cidadania, do CAA, Cláudio Rodrigues. Agora à tarde, o e evento vai tratar da técnica de construção de cisternas de placas para consumo e produção.

Nesta sexta (11), os profissionais, acompanhados de técnicos, visitam as cisternas de consumo e produção no Assentamento Novo Esplendor e na comunidade de Boi Hermano, município de Central. “A atividade está proporcionando aos pedreiros a socialização das experiências e aperfeiçoamento da técnica, o que resulta em maior qualidade no processo de construção das cisternas”, explica Gutierres Gaspar de Souza, coordenador técnico do Projeto Cisternas.

Fonte: Ascom/CAA

0 comentários:

Postar um comentário

Blogroll